Direção criativa

Lolita Hannud

Styling

Pedro Sales

Beleza

Silvio Giorgio

Trilha

Max Blum

A tecnologia injeta uma crescente rapidez na moda e a Lolitta entrou na onda do “see now buy now” porque, bem, se a coleção existe, a imagem se espalhou e eu gosto dela, por que não tê-la? É o pensamento de quem está vivendo a novíssima velocidade das tendências que surgem, e somem, a cada atualização das nossas redes. “Minha ideia foi a de atender a esse desejo rápido”, comentou Lolita Hannud logo após o desfile. Hannud estava tão rápida quanto o fast que ela quer vender: cumprimentando familiares, amigos, sorrindo para fotos, tudo ao mesmo tempo.

“Minhas coleções sempre focaram em algo mais aspiracional. Não era tudo comercial. Agora é uma experiência que queremos testar. Você pode ir agora lá na loja, nesse exato minuto, que está tudo lá”, contou a diretora criativa.

A coleção, que usou bastante o tricô, trouxe um mix de cores neutras com pontos de destaque em cores mega vibrantes como pink, laranja e amarelo neon. Muitas peças da linha SAND, que faz beachwear.

Duas estratégias acertadas da marca: a primeira foi fazer a coleção exatamente no andar de cima de onde está a loja no Shopping Iguatemi. A outra estratégia, em tempos de ansiedade imagética, foi a de deixar as modelos paradas, e bem iluminadas, de frente para os convidados. Isso significa que você pode fotografar sem parar o mesmo look, ver os detalhes como se estivesse numa vitrine. Simpático – e mais comercial impossível.

Fonte: FFW

Leave A Comment

Your email address will not be published.